domingo, setembro 30, 2012


quinta-feira, setembro 27, 2012

Aulas de Guitarra/Linha de Sintra
vou a casa do aluno
MARCAÇÕES OUTUBRO-telm:966419746-Email:paulogama@aeiou.pt
  

quarta-feira, setembro 26, 2012

Também encerra a Fundação PAULA REGO?


ATMOSFERA
Parte-em silêncio
Não partas ainda-em silêncio
Vê o perigo-sempre o perigo
Conversa eterna-reconstruindo a vida
Não partas ainda
Parte-em silêncio
Não voltes costas-em silêncio
Tua confusão-minha ilusão
Feita máscara de um ódio-próprio
Enfrenta e morre pois
Não partas ainda
Gente como tu julga fácil
Doloroso ver-ondeando no ar
Numa caçada ao rio,através das ruas,a cada esquina
Cedo abandonado
Marcado cuidadamente
Não partas ainda-em silêncio
Não partas ainda
Ian Curtis-Joy Division 

terça-feira, setembro 18, 2012

Nunca estamos contentes

Luís Vaz de Camões in "CARTAS"
Já ouvistes dizer;ninho feito,pega morta.Que me dizeis ao contentamento do mundo,onde toda a duração dele está enquanto se alcança?Porque,acabado de passar,acabado de esquecer.E com razão,porque,acabado de alcançar é passado;e maior saudade deixa do que é o contentamento que deu.Esperai por me fazer mercê que lhe quero dar mais palavrinhas de propósito:
-Mundo,se te conhecemos,porque tanto desejamos teus enganos?E se assim te queremos,muito sem causa nos queixamos dos teus danos.
Tu não enganas ninguém,pois a quem te desejar,vemos que danas;se te querem qual te vêm,se se querem enganar,ninguém enganas.
Vejam-se os bens que tiveram os que mais queriam alcançar-te se esmeraram;que uns,vivendo não viveram,e os outros,só em deixar-te descansaram!
 


Poesias/Pedro Laranjeira/Sintra

Sintra
Sintra património
património de tristeza
deste povo que é anão
em meio a tanta grandeza
da lusa desilusão
de ser pobre até mais não
rodeado de riqueza
Sintra serra de mistério
que já foi cemitério
de tanta esperança perdida
mas também que já deu vida
a coisas que nunca morrem
Sintra que já foi estrela
flamejante deslumbrante
dava gosto só de vê-la
levar o destino avante
desde um museu fulgurante
a um prédio inteligente
 

segunda-feira, setembro 17, 2012

PauloGamaPROJECTOS
 Telm:966419746
Email(s):
naudosom@clix.pt
paulogama@aeiou.pt
Entre em contacto.  

quinta-feira, setembro 13, 2012

Ainda o Nietzche...

Antigamente as pessoas queriam criar uma reputação:iss já não basta,a feira tornou-se demasiado vasta;agora é necessário vender aos berros.A consequência é que mesmo as melhores gargantas forçam a voz e as melhores mercadorias não são oferecidas por orgãos enrouquecidos;já não há génio nos nossos dias...

quarta-feira, setembro 12, 2012

-O Sr embaixador da música angolana,fez anos!Merece tudo de bom!
 
a href="http://www.webcontadores.com" target="_Blank">contador web de visitas



       

Poesias/Paulo Gama/SALPICOS

Poesias/Paulo Gama
Salpicos/Paulo Gama
Estou no Cais do Sodré
com marginais ao pé
prostitutas do meu lado
e um polícia calado
A noite trocou-me as voltas
esqueci-me das minhas revoltas
calei-me com o som de uma guitarra
que tocava numa taberna em fanfarra
Salpicou-se a minha alma
levo a consciência nervosa e calma
parece que estou num cinema
digerir é o meu lema
Espreito e já estou perto de casa
vou na maré vaza
vou tentar dormir
continuo a existir
 

segunda-feira, setembro 10, 2012

"Embora o artista em todos os periodos da sua vida permaneça mais próximo da infância,para não dizer mais fiel do que o homem especializado na realidade prática,muito embora se possa afirmar que ele,ao contrário deste último se mantém continuamente no estado sonhador e puramente humano da criança brincalhona,o caminho que transpõe a partir dos primórdios intactos até às fases tardias,jamais imaginadas do seu devir,é infinitamente mais longo,mais aventuroso,mais emocionante para o espectador,do que o do homem burguês,para o qual a reminiscência de também ter sido criança em outros tempos nunca fica tão prenhe de lágrimas."
Thomas Mann-in Doutor Fausto

domingo, setembro 02, 2012

Palco Principal

id="mp3player" width="200.3" height="196.9" align="center" >











Curtas

1-É vagabundo e não gostas de trabalhar?
Na boa.O Governo dá o rendimento minímo.
2-Apesar de vagabundo passas a vida a ter relações sexuais?
O Governo dá preservativos.
3-Cagas-te para os preservativos?
O Governo dá pílula do dia seguinte.
4-Pílula do dia seguinte?Que é isso?
O Governo deixa-te abortar.
5-A irresponsabilidade foi tanta e o puto nasceu?
O Governo dá abono de família.
6-Além de vagabundo e irresponsável ainda és drogado?
O Governo dá-te as seringas.
AGORA EXPERIMENTA ESTUDAR,TRABALHAR,PRODUZIR E ANDAR NA LINHA PARA VER O QUE O GOVERNO TE DÁ!VAIS GANHAR UM PACOTE DE IMPOSTOS BRUTALQUE TENS DE PAGAR SEM RECLAMAR!